quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

I move - Chicco


Depois de ter falado por aqui do carrinho que escolhemos, o I Move da Chicco, ainda sem conhecimento prático, tempo agora para análise mais detalhada e extra aspecto estético.
Ora então.
O carrinho é um trio e até agora - a piolha tem três meses - usamos a alcofa e o ovo. A cadeira será mais para a frente, quando ela se sentar.
A alcofa é ainda hoje absolutamente essencial para nós.
Para distinguimos o dia da noite, desde que ela nasceu que passa o dia na sala e a noite no quarto. E a alcofa é perfeita para isto. Não tenho berços portáteis por isso o carrinho tornou-se a solução perfeita. Com a vantagem de que, como tem rodas dá um excelente embalo.
Além disso, até recentemente usava-a também para passeio na rua. É quentinha e confortável e demos largos passeios. Também nos serviu em tardes em casa de amigos e nas noites fora em que não tinha o berço. Questiono-me que substitito vou arranjar quando deixar de servir, o que prevejo possa acontecer dentro de um mês mas até lá é aproveitar. Para aquelas pessoas que dizem que a alcofa não serve para nada, desenganem-se. Um essencial mesmo. A Chicco garante que pode ser usada no carro (e tráz uns mecanismos para se prender aos cintos) mas nunca experimentamos. Além de me parecer que o bebé vai ali completamente solto e sem qualquer apoio, o pediatra a modos que proibiu. Para quem se quiser aventurar, também dá para isso. Resumindo, tudo a favor e nada contra a alcofa.

Um bocadinho diferente é o ovo. Vejo nele alguns defeitos e não me enche as medidas. Usamo-lo desde o dia em que saiu do hospital para as viagens de carro e recentemente substituiu também a alcofa nos passeios na rua. Só agora, que tem três meses.
Até aqui evitava ao máximo usá-lo. Primeiro porque não é reclinável e a posição que tem é muito sentada. Depois porque me dava a sensação de perder a filha. Os primeiros tempos então foram realmente uma má experiência. Colocado no banco do carro, que já é inclinado, na base auto fix, que é muito inclinada, o ovo nâo reclinável faz com que a miúda fosse com a cabeça colada ao peito. Mauzinho mesmo. Agora que já segura a cabeça e está maior, tornou-se menos problemático quando colocado na estrutura do carrinho. No carro, continuo pouco fã, confesso.

De resto, o carrro em si é leve, conduz-se que é uma maravilha, abre e fecha facilmente, é robusto e de bons materiais. A opcçã 360° também é simpática. Um pequenino contra: não tem arrumos. Há um mini compartimento na parte de baixo, mas que pouco mais leva que um pacote de toalhitas.

No geral estamos satisfeitos, excepção feita ao ovo quando usado com bebés recém nascidos. A ver vamos a cadeira, de que falaremos a seu tempo.

1 comentários on "I move - Chicco"

A Pimenta* on 15 de janeiro de 2015 às 23:21 disse...

Também tinha ideia que a alcofa não era muito precisa mas como compramos o trio Living Smart da Chicco, ela veio incluída no pacote total. E sem dúvida que foi uma peça chave nos primeiros tempos. Por volta dos 4 meses ela deixou de lá caber. O ovo....também tive a estranha sensação que ela ficava com o pescoço posicionado de forma estranha. Muito torta, fomos contornando a situação com uns suportes improvisados (toda a gente dizia que a "menina tinha o pescoço torto") até que ela agora, nos seus quase 7 meses, já está uma mulher crescida lá dentro e já não se nota que a cabeça fica perdida.
Mas se fosse hoje não comprado o Living Smart. Não me parece resistente e para um segundo filho, quase de certeza que compraremos outro modelo.

Enviar um comentário

 

Isto, Aquilo e um Bebé © 2009 All Rights Reserved Baby Blog Designed by Ipiet | Images by Tadpole's Notez | Blog Templates created by Web Hosting Men